terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Porque não pode cair no esquecimento: Rui Pedro.


Faz hoje 27 anos. Está desaparecido há 16 anos. Aqui tão perto, esta Mãe que não desiste, que não baixa os braços, que não se resigna, por um filho que não sabe onde está, mas que continua a esperar. Filomena. Todas as palavras serão poucas perante tamanho amor, perseverança... Pelo Rui Pedro e por todos aqueles estão desaparecidos. Que acreditemos sempre.

3 comentários:

  1. Não faço ideia o que é ter um filho, principalmente para uma mãe que se apega ainda mais ao ser que de dentro dela saiu!
    Um parente, um amigo, uma ligação muito forte... perder alguém que faça muito sentido e falta na nossa vida é sempre muito difícil, mas um filho... acho que é uma ligação ainda mais forte do que essas ligações que falo!
    Uma coisa tenho quase certeza, eu não desistiria também!
    Força Filomena!

    Vou espalhar no meu cantinho este post!
    Posso não ser grande ajuda, mas faço a minha parte...

    Beijo Margarida

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vulcano, toda a ajuda é bem-vinda!

      Obrigada! :)

      Eliminar
  2. Sei que quase nada se pode fazer, mas às vezes há pequenos nadas que podem fazer tudo...

    Enviei o video para uns amigos no Brasil... quem sabe...

    ResponderEliminar

Partilhamos um café?